História da Cartografia

 

Desde a Idade da Pedra, o homem sempre buscou registrar informações sobre os locais por onde passava ou recolher dados para saber qual o rumo a seguir.

 

Há milhares de anos atrás, vários povos da Antiguidade, como os egípcios e chineses já representavam graficamente os caminhos do sol, traçavam os roteiros das suas viagens em busca de tesouros e a procura de inimigos. Construíam seus mapas em pedras, nas paredes das cavernas, em  tecidos e em pedaços de madeiras. Um dos mapas mais antigos (figura 1) foi confeccionado entre 6000 e 6300 A.C, ele foi grafado em uma parede e mostrava algumas construções de grupos humanos.

 

 

 

Figura 1-  Representação de um dos mapas mais antigo do mundo antiga cidade de Catalhoyuk,na atual Turquia.

Fonte:http://www.henry-davis.com/MAPS/Ancient%20Web%20Pages/100B.html

 

Nos mapas antigos também encontrávamos informações sobre os objetos naturais ou produzidos pelos homens, além de mitos e preceitos religiosos.

Os gregos forneceram os primeiros elementos da cartografia como a linha do Equador, trópicos, círculos polares, meridianos; dentre os gregos, o nome mais famoso foi Cláudio Ptolomeu- 90 a 168 d.C. (figura 2) que elaborou a Teoria Geocêntrica, ou seja, a Terra como centro do Universo;  isso contribuiu para derrubar a Teoria Heliocêntrica (o Sol como centro do Universo)  vigorada por mais de 1500 anos.

 

 

Figura 2—Fonte: http://www.astrofilisiciliani.org.br 

 

 

 

Por volta de 1700, a ciência cartográfica moderna contou com a invenção da luneta- um dos instrumentos que permitiu ao homem determinar a longitude de qualquer ponto do nosso planeta.

 

 

 

 

Curiosidade

 

 

 

Figura 3- Primeiras fotos aéreas obtidas a partir de balões 
Fonte: http://www.cartografia.eng.br/artigos/naero03.asp 

 

 

 

 

    

 

Figura 4- Fotografias aéreas tiradas foi no período da I e II Guerras Mundiais usadas para reconhecer, detectar posições inimigas e estratégia militar como um todo.
Fonte: http://www.cartografia.eng.br/artigos/naero03.asp

 

 

 

 

Figura 5- Fotografia aérea tirada para fins de mapeamento
Fonte: IPP Vôo 108/04, 2004

 

A partir de 1972, com lançamento do primeiro satélite – o primeiro da série LANDSAT surgiram imagens de satélites que permitiram ao homem estudar a dinâmica dos elementos naturais e sócio-econômicos presentes em nosso planeta, tais como: as queimadas nas florestas, o aumento das favelas, o problema do desmatamento (figura 8).

 

 

 

Figura 8- Imagem de satélite do Landsat 7 – Baía de Guanabara/RJ
Fonte:http://www.dgi.inpe.br/CDSR

 

 

De lá para cá essas imagens foram ficando cada vez mais fáceis de compreender (figura 9).

 

 

 

Figura 9-  Imagem de satélite (IKONOS) do Complexo Esportivo do Maracanã localizado no município do Rio de Janeiro/RJ
Fonte: Google Earth versão 5.0

Copyright 2022 - STI - Todos os direitos reservados

Skip to content